NÚCLEO SOCIOEDUCATIVO SANTA MARINA 6 A 15 ANOS


Teve inicio no dia 24 de setembro o Projeto Correspondentes com as crianças e adolescentes do Núcleo Socioeducativo Santa Marina. O projeto e desenvolvido pelo Instituto de Projetos Sociais (INPRÓS) e tem como objetivo o de envolver os educandos na correspondência com voluntários, possibilitando a vivência de um vínculo afetivo recíproco com os mesmos e desenvolver a linguagem escrita.

Revitalizar para acolher e educar: inauguração da quadra de esportes

Com a bênção dos espaços, a quadra de esportes do Instituto Rogacionista Santo Aníbal é reinaugurada nesta quarta-feira, dia 17 de setembro. A pré-inauguração aconteceu na noite de 16 de setembro com o jogo dos religiosos rogacionistas.

Esta ação foi possível graças a aliança entre Instituto, Religiosos Rogacionistas, Colaboradores e educandos.

Agradecemos a Deus e a todos os que deram sua contribuição para transformar este espaço para lazer, cultura e convivência rogacionista.






Veja ao lado outras imagens da transformação física deste espaço esportivo do Instituto Rogacionista.

Reunião de Pais NSE III-Profissionalizante 15 a 18 anos

No dia 12 de setembro de 2008, sexta-feira passada, aconteceu a primeira Reunião de pais do NSE III –Profissionalizante deste semestre. Foram vários os assuntos tratados, entre eles: o cadastro Ação Jovem, divulgação da campanha “Instituto Rogacionista- Sou amig@”, a importância do acompanhamento dos pais no processo ensino aprendizagem e atividades de sensibilização. Nas salas específicas com cada educador, foi apresentado o curso em andamento, o aprendizado dos educandos, verificação de faltas, combinados sobre as regras e normas da Organização, além de dúvidas gerais.
Foi um momento bem gratificante, contamos com ótima presença dos pais, o que nos motiva e engrandece nosso trabalho sócio educativo.
Oficina de Elétrica (pais atentos ao educador)

Educadora de Confeitaria no encerramento da reunião.

Atividade de Sensibilização

Quinta-feira com Santo Aníbal

Clic na imagem para ampiar



Aviso

O Instituto Rogacionista informa que a partir de 15/09/2008 a quadra de esportes estará liberada para os jogos.

Os interessados devem procurar o Setor Administrativo, sito a rua Dr. Moacir Trancoso, 48. Falar com a Srª Leila de 2ª a 6ª-feira no horário comercial.

Horário de funcionamento:
de 2ª a 6ª-feira das 16 às 22 hs.
Sábado das 8 às 18hs
Domingo das 8 às 12 hs.
Telefone:36110977
36111387

Revitalizar para acolher e educar: quadra de esportes


Numa ação conjunta entre o Instituto Rogacionista, colaboradores, religiosos rogacionistas e Saint Gobain estamos concluindo a primeira etapa da reforma da quadra de esportes do Instituto Rogacionista.

Esta primeira etapa permitirá que os educandos rogacionistas possam gozar de um espaço mais iluminado e acolhedor para as diversas práticas esportivas. Também se fez uma reforma nos vestiários, mas que deverão ter no futuro uma ação maior. No momento foi feito a recuperação da pintura e dos chuveiros; no futuro se pretende recuperar toda a parte hidráulica, nova colocação cerâmica e adquirir armários para que os usuários possa gurdar com maior segurança seus pertences.

Também está prevista a pintura externa do edifício.

É o instituto Rogacionista, atuando para transformar a vida das pessoas e da comunidade.
Ao lado, acesse as fotos das diversas etapas de transformação do espaço esportivo.

Integração entre os educandos do Rogacionista e Aprocima

Os educandos do curso profissionalizante de Técnicas Administrativas visitaram o CCA Aprocima, tendo como objetivo à socialização e a integração entre os educandos. Nesta ocasião, houve apresentação de dança, bate papo, em uma manhã muito gostosa e produtiva.
Estamos aguardando ansiosos pela visita dos educandos do CCA Aprocima que nos receberam com muita dedicação e carinho.

Campanha Instituticional


O Instituto Rogacionista deu um passo muito importante na implementação de políticas que lhe dê sustentabilidade. Na reunião dos gerrentes acontecida no dia 09/09 foi escolhido o logo da campanha "Sou amigo do Instituto Rogacionista". O desenho foi produzido por um profissional de Curitiba-PR e é baseado o logotipo da organização. Dentre as ações da campanha foram apresentada duas, determinadas pela equipe de capatação de recurso. A primeira ação diz respeito à produção institucional de cartões de natal. A equipe de gestores definiu o tema para 2008: natal e as crianças. Agora em unidade será recolhidas sugestões de lema, que serão analisadas na próxima reunião da equipe de captação. Foi refletido também sobre a campanha "adote uma criança" (título provisório). Nas unidades se estará refletindo sobre este assunto, colhedo sugestões de educadores e educandos.

Quinta-feira com Santo Aníbal.


Nossa Fundação Rogacionista
Início: Em 1897 foi acolhido em Avinhão Frei Mauro, um beneditino de Montecassino1. Este, no período que esteve entre nós, cerca de cinco meses, pôs-se a ajudar o Pe. Aníbal no serviço às crianças e aos pobres. Tornou-se também confessor das co-irmãs Filhas do Divino Zelo2. Sua atenção voltou-se para alguns jovens, não clérigos, piedosos e prestativos no serviço da caridade: Romeu Plácido, Francisco di Gregório e Fazzalari, que trabalhavam na obra do di Francia.
Frei Mauro pediu e o Pe. Aníbal autorizou, que estes jovens recebessem o hábito religioso. Foi realizada a vestição deles com um hábito talar semelhante ao dos beneditinos: ajustado à cintura por uma cinta de couro, escapulário, capuz e o barrete. Tudo na cor preta. Receberam o nome religioso, também à semelhança dos beneditinos: Romeu passou a chamar-se Ir. Plácido; Francisco, Ir. Bento; Fazzalari, Ir. José. Era 16 de maio de 1897, data que consideramos a nossa fundação.
Os Primeiros Votos: O documento primeiro que temos informando sobre profissão religiosa é de 23 de abril de 1899, assinado pelo Ir. Plácido Maria e Ir. Bento Maria, chamados de Pobres do Coração de Jesus. Era festa litúrgica do patrocínio de S. José. Pe. Aníbal escolheu esta data porque S. José era o patrono das suas obras sociais e, especialmente, da vida religiosa. Para o Fundador, a Congregação nascente devia se formar passo a passo, por isso eram emitidos votos de castidade e zelo pelo Rogate, e promessas de obediência e pobreza. Isto era feito em caráter pessoal e por um ano3.
O batismo: Na manhã de 15 de Setembro de 1901, festa litúrgica do Santíssimo nome de Maria, Pe. Aníbal fez a solene proclamação e dedicação do nosso nome: ROGACIONISTAS4. Isto aconteceu na Capela Coração de Jesus em Avinhão – Messina.
Com a promulgação do nosso nome a identidade e a missão dos servidores do Rogate estava posta. Diz o Fundador:
“Esta obra tem como propósito a glória de Deus e o bem das almas ad majorem consolationem Cordis Jesu. Para cumprir este propósito, tem dois meios, formados como dois fins próximos e imediatos de sua existência:
O primeiro, que se diria um fim religioso e espiritual, é zelar a grande palavra do evangelho: Rogate ergo Dominum messis, ut mittat operários in messem suam. É, portanto, a oração cotidiana para obter os bons Operários à Santa Igreja, e a propagação da mesma.
O segundo fim é o exercício das obras de misericórdia para com o próximo, isto é, a salvação dos órfãos dispersos e a evangelização e socorro dos pobres abandonados”5.

Notas:

1 . Ao descrevermos os principais fatos do início de nossa Congregação teremos como guia o Pe. Domingo Serafim Santoro na sua obra: “Breve Perfil Histórico da Congregação dos Rogacionistas”. Texto provisório da tradução para o português, a partir da página 06.
2 . As Irmãs Filhas do Divino Zelo foram fundadas pelo Pe. Aníbal em 19 de março de 1887, também em Avinhão.
3 . Santoro, Domingos S.; o.c.; pp. 09.
4 . Segundo o Pe. Santoro, o.c., o nome definitivo de nossa Congregação é decorrente de uma longa caminhada reflexiva do Fundador. Tivemos os seguintes nomes: Pobres do Coração de Jesus, Clérigos Oblatos Regulares do Coração de Jesus, Pobres Regulares do Coração de Jesus, Rogacionistas, ver pp. 9-11. Por fim, a nossa Congregação tem como nome definitivo: Rogacionistas ou Rogacionistas do Coração de Jesus. Sobre o nosso nome ver ainda a carta: Os nossos nomes: Rogacionistas e Filhas do Divino Zelo;Guerrera, Diodata e Nalin, Giorgio; Coleção RogZelo; Volume 2; São Paulo; 2002.
5 . Decreto de Promulgação. Nome da Pia Obra de Beneficência em Messina. Artigo II. “In” Gerrera e Nalin, o.c., pp 33-34.

Revitalizar para acolher e educar: quadra de esporte e jardins

Com o auxílio de voluntários e intervenção direta do Instituto Rogacionista, estamos levando adiante o projeto de revitalização dos espaços físicos da sede da organização.
O projeto paisagístico do jardim continua a ser implementado. Foram plantadas mudas de azaléia, manacá da serra, dama da noite, acerola, bananeira de jardins, entre outras. Também foram semeadas onze horas, cravos, girassois, tegeste e outras flores. No espaços foram semeados também milho e trigo. Tudo isso, para suscitar nos esducandos espaços mais acolhedores e responsabilidade ambiental.
O projeto de reforma da quadra de esportes também está sendo desenvolvido. As paredes foraam totalmente pintadas e as lâmpadas queimadas substituídas. As traves foram também reformadas e se está trabalhando nos vestiários. Tudo isto para tornar o ambiente mais agradável, seguro e ajudar na manutenção das atividades sócioeducativas do Instituto Rogacionista.

CASA ABRIGO ROGACIONISTA

São Paulo, 04 de setembro de 2008

Bom Dia a todos da Comunidade Rogacionista!

É com muita alegria que a equipe da Casa Abrigo vêm comunicar a todos que nesta quarta-feira uma de nossas crianças foi desabrigada, passando a morar com uma família substituta.

Assim como essa criança foi para uma nova família, trabalhamos para que as outras tenham também a mesma oportunidade. Desejamos felicidades e sucesso nessa nova fase que se inicia para essa criança.Muitos Abraços da equipe da Casa Abrigo.

Projeto Folclore

A creche Sta Marina durante o mês de agosto, trabalhou com o projeto FOLCLORE, desenvolvido pelas crianças e educadoras.
As crianças confeccionaram durante todo o projeto, brinquedos, máscaras e enfeites.
No ultimo dia 29, a turma Centopéia, das educadoras Neuza e Kelly, realizou uma apresentação de seus trabalhos para as demais turmas e também às estagiárias de nutrição, elas cantaram, recitaram versos e parlendas e foram muito aplaudidas.